sexta-feira, 8 de julho de 2011

Deputado Zé Maia ofende educadores mineiros

A ofensa (devidamente comprovada) aconteceu durante uma audiência pública na ALMG, quando os educadores insistiam em discutir a implementação do Piso Salarial. Como os professores insistiam em não deixar a reunião prosseguir com outro assunto (a dívida do Estado com a União), o tal deputado, escondendo-se atrás de sua imunidade parlamentar, acusou os educadores de estarem sob o efeito de "alguma substância". Qualquer um entende o que ele quis dizer. Ofendeu, assim, a toda uma classe que luta legalmente pelo cumprimento da Lei do Piso pelo governo de Minas.


Esclarecimento ao deputado: A substância que corre em nossas veias e sob efeito da qual sempre vivemos é uma substância vermelha chamada sangue, diferente daquela que certamente corre em vossas veias que muitos chamam de "sangue de barata".

Acesse e veja a matéria completa:

http://www.viomundo.com.br/denuncias/deputado-mineiro-atribui-protesto-de-professores-em-greve-a-ingestao-de-alguma-substancia.html


Nenhum comentário:

Postar um comentário