segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Cordel: O encontro


Meu amigo, confesso:
Sou sonhador, sim senhor!
Um de meus sonhos
Peço que ouça, por favor!
Mas se seu tempo tá curto,
O cordel a fala encurta
Mas aumenta meu clamor.

Foi numa noite de calor
Que tal sonho aconteceu.
Não riam, apenas ouçam
O fato que  aí sucedeu:
Num encontro inusitado,
Parecendo marcado
Vejam quem apareceu.

Terra, Flora, Fauna, Água,
Ar: tudo energizado,
Pessoas quase, e nós:
Eu, e ali do meu lado,
Idoso, mulher e criança.
Até me veio à lembrança
Um desenho animado.

A Água rompeu o silêncio
Que já julgava mortal:
__Pra quê estamos aqui?
Parece até o juízo final!
A Terra, já esquentada,
Disse não saber de nada
Mas que não era bom sinal.

Ainda paralisado,
Vi Flora, Fauna e Ar
Afirmarem nada saber.
Aí então tentei falar,
Mas fui  interrompido,
Soou como estampido
A voz que rasgou o ar.

__ Eu os trouxe aqui.
Disse a voz potente
Que era pura energia.
O susto era evidente
Diante do ser invisível.
Tudo era mesmo incrível
Não podia ser diferente.
__ Sou a Vida. __ disse.
Vamos discutir meu futuro
Sem acusar ninguém.
Me acusam de ser dura,
Muitos não me dão valor
Mas não falo com rancor.
Pra falar, tens abertura.

Formamos uma rede.
Estamos interligados
Não trago novidade.
Não fiquem aí parados,
Digam então: que fazer
Pra eu não perecer
Neste planeta habitado.

Então, resolveu falar
A verde e bela Flora,
Aprovada pelos demais,
Que disse: __Já é hora
De valorizar mais a Vida
Nesta Terra tão sofrida
Hoje mais que outrora.

Eu represento o verde
Belas matas e florestas
Que renovam nosso ar
Onde é motivo de festa
Cada nascente que brota.
Nossas folhas são portas
Pra luz que o Sol empresta.

Abrigo a diversidade,
Vossas  plantas e animais.
__ E eu, minha amiga?
Não posso esperar mais!__
Interrompeu a Terra.
Desmatamento e guerra
Vamos tirar dos jornais.

Coberta pelo verde,
Sou um filtro natural
E alimento os mananciais.
E pode todo o meu potencial
Findar a fome no mundo.
Riquezas me vêm do fundo:
Água, mineral ou vegetal.

Aí foi a vez da Água,
Que se encontrava calada,
Falar:__Quanto a mim
Sou também apreciada:
Normal, gelada ou quente,
Vegetal, animal ou gente
Têm a vida preservada.

__Meu ciclo __ continuou,
Motivo de preocupação
Mantém a vida no planeta.
__Por falar em vida, atenção.
Também não posso faltar.
Disse orgulhoso o ar.
__ Oxigênio dou de montão.

A Fauna, por obrigação,
Também se pôs a falar:
__Represento os animais
Da terra, da água e do ar.
Pra muitos, somos alimento,
Pra natureza, ornamento,
A vida a se preservar.

__Muito bem!__disse a Vida.
Reinos animal, vegetal
E mineral já opinaram.
E o animal dito racional,
Da infância ao envelhecer,
O que tem a oferecer
Pra que eu não me dê mal?

Aí, achei por bem
Falar logo sem rodeios:
__Somos responsáveis
Pelo que acontece ao meio.
Vamos repensar atitudes
Pra vida em sua magnitude
Ter o amor como recheio.

Podemos cuidar melhor
Da Terra, nosso bem maior.
Crescer com equilíbrio
Reduzir gastos, usar melhor
O que de graça recebemos
E sempre nos lembremos:
No mundo, ninguém está só.

Tomado de forte emoção,
De continuar fui incapaz
Assumiu a voz o senhor:
__ Se cada um for capaz
De pensar no próximo
Imagine só que máximo:
Menos preconceito, mais paz!

__ Acabar com o abismo
Chamado de indiferença
Entre ricos e pobres.
Tecnologia e inteligência
Sempre a favor da vida.
A ganância suprimida
Dos dicionários com urgência.

A força feminina falou:
__ Lutar pela liberdade
É este o caminho.
Pregaremos a igualdade
Entre os povos a tolerância.
Educação desde a infância
Baseada no exemplo, na verdade.

A Vida, mesmo satisfeita,
Quis ouvir a Criança:
__ Dizem que somos o futuro.
Com proteção e segurança
E a salvos da exploração,
Com mais saúde e educação,
Daremos à Vida mais esperança.

Ao término do encontro
A Vida brilhava mais.
__ Se usarem com equilíbrio,
Disse ela __ os bens naturais,
Respeitando toda forma de vida
Posso passar despercebida
Mas não perecerei jamais.

Nesse instante, amigos
De repente, me vi só.
 Com o sonho ainda vivo
Antes que virasse pó
Vim contar, com a certeza:
Cuidar do outro e da natureza
É caminho pra uma Vida melhor.
 Rogério Trindade


Nenhum comentário:

Postar um comentário