segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Pesquisa coloca Governo de Anastasia onde nunca esteve


Estado. O governador Antonio Anastasia (PSDB) tem seu desempenho avaliado como muito bom por 3,8% dos entrevistados. Outros 49,4% o classificam como bom. Consideram a administração estadual regular positiva 21,1% dos interrogados. Somadas as três classificações, o governo de Antonio Anastasia é bem avaliado por 74,3% dos entrevistados DataTempo/CP2.
Classificam o desempenho do governador como regular negativo 6,6%. Outros 6,7% dos pesquisados o consideram ruim. Somente 4,7% dizem que o governo estadual é muito ruim.
Quando a pergunta é feita de uma forma mais direta: você aprova ou desaprova a administração do governador Antonio Anastasia, a resposta obtida é muito semelhante ao percentual da avaliação positiva da gestão (74,3%). Respondem que a aprovam 69,8% dos pesquisados e dizem que não aprovam outros 20%.
A atração de empregos e a manutenção das estradas estaduais são apontadas como os setores em que o governo estadual consegue melhor atuação.
Questionados sobre as áreas em que o governo tem pior atuação, a maioria da população (54,1%) afirma que é o atendimento à saúde. Para outros 19,2%, o governo deixa a desejar na educação pública. Na opinião de 8,8% dos entrevistados, a segurança pública é o setor com pior desempenho do governo estadual. O meio ambiente também é indicado pelos entrevistados como uma área em que a atuação do governo é fraca.

DataTempo/CP2
Dados.
 Foram realizadas 900 entrevistas entre 10 e 15 de dezembro com eleitores de diversas faixas de escolaridade, renda e idade em todas as regiões da capital. A margem de erro é de 3,27 pontos percentuais.
Comentário:
Ha... ha... ha... Aquela piadinha antiga do velhinho agonizando no hospital (ano velho em véspera de ano novo) me faria rir mais. Quem participou desta pesquisa?
- aqueles que andam em carrões luxuosos ou os tomadores de coletivos que sofreram e continuam sofrendo com as péssimas condições de transporte?
- aqueles que moram em luxuosas mansões ou os que estão sofrendo com os efeitos da chuva que anastasia tenta minimizar?
- aqueles que têm seus filhos em escolas particulares ou os que os mantêm nas escolas públicas e que sentiram e continuam a sentir os efeitos da greve e da falta de recursos?
- aqueles que frequentam clínicas e médicos particulares ou aqueles que adoecem mais ao ter de enfrentar a falta de médicos nos hospitais?
- aqueles que só viajam de helicóptero ou avião ou os coitados que têm de arriscar as vidas nas estradas esburacadas?
- aqueles que já têm planos para 2012 ou os massacrados professores que tiveram seus direitos surrupiados por anastasia e sua trupe?
Papel aceita tudo, sobretudo se for em troca de outro tipo de papel. Vão procurar saber a quantas anda o povo, aquele que trabalha duramente e paga seus impostos em dia para manter no poder pessoas que se acham acima do céu e da terra. Vão entrevistar as pessoas que estão perdendo suas casas com as chuvas, os doentes nas filas ou corredores dos hospitais, os motoristas que enfrentam os buracos nas pistas, os alunos que estão nas salas de aulas abarrotadas. Vão saber que nota eles vão dar a este governo do faz-de-conta.
Rogério Trindade

Nenhum comentário:

Postar um comentário