sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Respeitar é preciso (Trânsito)


Pelas ruas das cidades
Vou eu, vai você, vamos nós
Cada qual numa velocidade
Apressados ou não...
Nunca a sós.

E nesse vai e vem
Por motivos os mais variados
Convivemos também
Com diferentes sujeitos,
Seus sonhos e necessidades.

Caminhos que se cruzam
Sujeitos que interagem
Do mesmo espaço usam:
Diferentes veículos e pessoas
Compondo uma só paisagem.

Transitar, uma necessidade...
Respeitar: uma obrigação
Que deve fazer parte da vida,
Desde a mais tenra idade,
De todo e qualquer cidadão.

Respeitar é preciso!
Nós precisamos!
A vida precisa!
 Rogério Trindade

Nenhum comentário:

Postar um comentário